Mundo da Rádio - O universo da rádio, na Internet

Centro emissor da Deutsche Welle em Sines:


    Inaugurado em 1970, o centro emissor da Deutsche Welle em Sines esteve em funcionamento até ao dia 30 de Outubro de 2011. Durante 41 anos, a estação alemã utilizou as infra-estruturas de Sines para reforçar as emissões em Onda Curta para a Europa e, mais tarde, também para outros pontos do mundo. Recordemos alguns marcos importantes deste importante centro emissor:

    Após negociações com o Estado português, a rádio pública alemã conseguiu que o regime vigente na altura em Portugal autorizasse a instalação de um novo centro emissor de Onda Curta destinado a retransmitir as emissões da emissora internacional germânica para a Europa. Assim, a DW arrancou as emissões em Onda Curta para a Europa a partir de Sines em Junho de 1970. Em plena Guerra Fria e tendo o apoio de Salazar, a emissora alemã optou por Portugal devido às condições estáveis que o país apresentava na época e ao interesse em servir melhor os países da Europa de Leste, então pertencentes à URSS. A própria localização de Sines beneficiava a propagação ionosférica na direcção pretendida, atendendo às distâncias envolvidas nas transmissões. Na altura, o emissor estava localizado perto da então vila de Sines, onde ainda não existia o complexo industrial deste concelho do litoral alentejano. De referir que o emissor situa(va)-se, à data de encerramento e fruto da evolução industrial da região nas últimas décadas, na vizinhança da central termo-eléctrica e de algumas fábricas do pólo industrial de Sines.

    Numa época em que ainda não havia as comunicações via satélite com a dimensão que existe actualmente, as emissões da DW eram recebidas através de uma estação receptora implantada em Sesimbra, onde as emissões em Onda Curta eram sintonizadas e retransmitidas por feixe hertziano para o emissor de Sines. Este sistema manteve-se em funcionamento até ao ano de 1990, altura em que foram instalados em Sines equipamentos de recepção satélite, dispensando a estrutura de Sesimbra, que foi desmantelada pouco tempo depois.

    Como contrapartida pela instalação do centro emissor (imposta pelo Estado português), a DW estava contratualmente obrigada a retransmitir a Rádio Portugal durante um determinado número de horas. Assim, a emissora internacional portuguesa, mais tarde rebaptizada com a designação de RDP Internacional, era retransmitida a partir de Sines. Ainda que a Emissora Nacional/RDP/RTP detenha o Centro Emissor Ultramarino (CEU), mais tarde, Centro Emissor de Onda Curta (CEOC) próximo da localidade de Canha (concelho do Montijo), a rádio pública assegurava emissões para a Europa também a partir de Sines. Esta situação manteve-se até à desactivação de Sines. Mesmo após a suspensão temporária das emissões da RDPi em Onda Curta, decretada em Junho de 2011, a RDPi continuava a ser retransmitida de Sines até ao final de Outubro, altura do encerramento da estrutura.

    Dado que a DW não utilizava os emissores a 100%, a rádio alemã alugava algumas horas de emissão por dia a outras emissoras internacionais. Assim, Sines também retransmitia estações como a Rádio Canadá Internacional, a Rádio Mundial Adventista (AWR), a BBC, a Rádio Holanda (RNW), a NHK (Japão), entre muitas outras. Durante algum tempo, até a Rádio Renascença alugava tempo de emissão em Sines.

    Originalmente equipado com três emissores MARCONI, de 250 kW, a estação de Sines foi mais tarde equipada com novos emissores Thomcast, com igual potência. Sendo destinado a retransmitir a DW para a Europa, o emissor de Sines tinha várias antenas de cortina fixas e antenas logarítmico-periódicas verticais, orientadas para a Europa. Com a queda dos regimes comunistas na Europa de Leste, o emissor de Sines arriscava-se a perder a sua importância, mas a DW decidiu rentabilizá-lo, equipando as instalações de Sines com novas antenas de cortina rotativas, que permitiam emitir em qualquer azimute, atingindo qualquer ponto do globo terrestre. Esta remodelação do parque de antenas assegurou a viabilidade do emissor durante os últimos anos, que passou a transmitir a DW para a América e África. A ProFunk GmbH (empresa responsável pela operação do emissor de Sines, detida pelo Estado alemão) começou por instalar duas antenas rotativas, erguendo uma terceira pouco tempo depois.

    No final dos ano 90, a DW começou a realizar as primeiras emissões em modo digital DRM (Digital Radio Mondiale), a partir de Sines. Equipando os emissores com tecnologia digital, o centro emissor prolongou a sua vida útil, permitindo a transmissão da DW num sistema com melhor qualidade de som e recepção, pesem os inconvenientes significativos que o sistema DRM apresenta. A RTP aproveitou também o sistema digital a partir do dia 31 de Janeiro de 2009, transmitindo a RDP Internacional em modo digital DRM aos fins-de-semana. De segunda a sexta-feira, a RDPi continuava a ser retransmitida em analógico.

    Aos interessados em conhecer melhor a história do emissor de Sines, sugiro a audição desta excelente reportagem da DW produzida poucos dias antes da desactivação definitiva da estrutura.  

    Sugiro também a visualização do seguinte vídeo, gravado pelos profissionais da ProFunk GmbH durante a última emissão realizada a partir de Sines:



   
    Atente-se ao seguinte vídeo, que mostra a rotação de uma das antenas de cortina (uma das três rotativas, passe o pleonasmo):


CC) Luís Carvalho - alguns direitos reservados
Licença Creative Commons
O site "Mundo Da Rádio" encontra-se disponível sob licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 3.0 Unported License. É permitida a utilização do conteúdo desta página para fins estritamente não comerciais, incluindo-se o uso pessoal, científico, académico ou outros, desde que seja mantida de forma explícita a citação da fonte desta obra intelectual. Estas restrições não afectam os direitos protegidos pela licença Creative Commons e/ou pela legislação em vigor.

Questões relacionadas com o licenciamento do conteúdo desta página devem ser encaminhadas para o endereço electrónico:  mundodaradio <arroba> gmail.com .

View My Stats